Informação - Integração - Imparcialidade

- Advertisement -

CIGA – Circuito Integrado das Galerias de Arte – movimenta a agenda na semana da ArtRio

Reconhecida como um dos principais eventos de arte da América Latina, a ArtRio é uma oportunidade de ver, em um mesmo espaço, obras de grandes mestres e também o trabalho de novos artistas em uma seleção especial das principais galerias do país e do mundo. A Feira de Arte do Rio de Janeiro apresenta sua oitava edição entre os dias 26 a 30 de setembro de 2018, na Marina da Glória.

Em 2018, a ArtRio apresenta oito programas. O PANORAMA reúne as galerias já estabelecidas no circuito internacional de arte. Galerias jovens apresentam projetos com uma curadoria experimental concebidos especialmente para a feira no VISTA. Já o SOLO trará projetos expositivos especiais com um recorte das coleções de Genny Nissenbaum e Mara Fainziliber.

Com curadoria de David Gryn, o segundo ano do MIRA reúne, além de obras de videoarte, a música ao vivo do DJ inglês Max Reinhardt. O BRASIL CONTEMPORÂNEO é dedicado a artistas fora do eixo Rio – São Paulo. Em sua primeira edição, o programa tem curadoria de Bernardo Mosqueira.

Dedicado ao design, o programa IDA ganha novo formato em 2018 com a curadoria de Renato Tomasi. E o PALAVRA, com curadoria de Claudia Sehbe e Omar Salomão, mostra como a palavra – escrita e falada – está presente nos diferentes processos de criação da arte.

A feira ainda promove a sexta edição do Prêmio FOCO Bradesco ArtRio, que tem como objetivo descobrir, fomentar e difundir a produção de artistas visuais com até 15 anos de carreira.

A ArtRio contribui de forma ativa durante todo o ano para o sucesso da cadeia produtiva de arte e tem também um forte papel de pólo estimulador, apoiando exposições, destacando novas galerias, estimulando o colecionismo, a formação de público e a promoção de artistas jovens. Desta forma, a feira constrói um legado artístico para o público brasileiro, ávido por consumir arte e cultura.

Confira a programação completa:

Segunda-feira, 24/09

Copacabana

Artur Fidalgo galeria

Rua Siqueira Campos 143, loja 1, 2º piso

Guga Ferraz (Rio de Janeiro, 1974) apresenta uma série de obras inéditas, entre desenhos e esculturas realizadas de 2017 para cá. Com o título de Alegoria – Mula sem cabeça ou a cidade que casou com o Bispo, a exposição elege como ponto de partida a mítica lenda da mula, presente no imaginário de diferentes culturas, e adapta sua narrativa ao contexto político do Rio de Janeiro, cidade onde vive e trabalha.

Galeria Inox

Av. Atlântica 4240, subsolo 101 e 132, Shopping Cassino Atlântico

Abertura da individual “Clareira”, de Felippe Sabino.

Galeria Patricia Costa

Av. Atlântica 4240, Loja 226, Shopping Cassino Atlântico

Exposição do artista Luiz Áquila, com nove pinturas inéditas em tinta acrílica. Desde os anos 60, Luiz Áquila, com o intenso desejo de experimentar, faz ensaios em xilogravura, gravura em metal e litografia, além de desenho e pintura, que desenvolve em todo o seu percurso. Viveu no Rio de Janeiro, Paris, Lisboa, Évora e Londres. Ao longo da carreira, participou de mais de 200 exposições (individuais e coletivas) no Brasil e no exterior, sendo chamado pelo crítico Frederico Morais de “herói de sua própria pintura”.

Marcia Barrozo do Amaral

Av. Atlântica 4.240 subsolo 129, Shopping Cassino Atlântico

Exposição “Ver Te”, individual de Fernando Leite.

Movimento Arte Contemporânea

Av. Atlântica 4240, lojas 212 e 213, Shopping Cassino Atlântico

Após quatro anos, Arthur Arnold volta ao Rio de Janeiro com a exposição ‘Massas’. Em sua terceira individual na Galeria Movimento, o artista explora a diluição da individualidade de cada um de nós em meio às multidões que nos cercam. Telas grandiosas mostram aglomerações inspiradas em torcidas de futebol, cultos religiosos, protestos, shows de música e festas populares e retratam a incorporação do indivíduo pelas massas. A curadoria é de Isabel Sanson Portella, que repete a parceria com o artista após a coletiva Estranhamentos.

Espaço Cultural M.D. Gotlib

Av. Atlântica 4240, loja 312, Shopping Cassino Atlântico

Abertura da coletiva “Brota Vidas”, com obras de Bel Roberts, Dalton Romão, Martha Werneck, Lourdes Barreto, Ricardo Pereira e Vladimir Machado.

Ipanema

Cassia Bomeny Galeria

Rua Garcia d’Avila, 196

A galeria recebe a exposição “Fora da Palavra”, com obras inéditas de Hilal Sami Hilal, artista capixaba de ascendência síria, que já fez exposições em importantes instituições no Rio de Janeiro, como MAM Rio e Museu da Chácara do Céu. Com curadoria de Vanda Klabin, serão apresentadas cerca de 20 obras, produzidas este ano, dentre trabalhos feitos em cobre oxidado e corroído e em papel artesanal pigmentado.

Galeria de Arte Ipanema

R. Aníbal de Mendonça, 27

A galeria traz a exposição “Alfredo Volpi e Ione Saldanha: o frescor da luminosidade”, que homenageia o grande artista Alfredo Volpi (1896-1988) em seus trinta anos de morte, reunindo 66 obras suas em diálogo com outros 20 trabalhos de Ione Saldanha (1919 – 2001). A curadoria é de Paulo Venancio Filho.

Simone Cadinelli Arte Contemporânea

R. Aníbal de Mendonça, 171

“Colapsos”, exposição individual do artista Claudio Tobinaga. Com curadoria de Cezar Bartholomeu, a mostra reúne cerca de 30 pinturas, em pequenos e grandes formatos, inspiradas em fotografias coletadas da internet e pautadas no subúrbio carioca. Neste cenário, as fotos se transformam em uma mise-en-scène, explorando uma narrativa quase cinematográfica. A atmosfera do ordinário toma contornos de um existencialismo barato, com uma superfície que seduz e ao mesmo tempo engana. As imagens ganham um novo significado aberto a diversas interpretações, com uma roupagem bastante pop.

São Conrado

Gaby Indio da Costa Arte Contemporânea
Estrada da Gávea, 712 sala 407

Finissage da exposição “Conexões”, individual de Bel Barcellos, com a presença da artista. A curadoria é de Gabriela Davies.

Samba Arte Contemporânea

Estrada da Gávea 899, loja 218B, 2º piso, Shopping Fashion Mall

Coletiva “Em torno de Loio-Pérsio” com 15 pinturas do artista e obras de Adriano de Aquino, Aluisio Carvão, Amelia Toledo, Arcangelo Ianelli, Celso Renato, Chico Fortunato, Décio Vieira, Frans Krajcberg, Gonçalo Ivo, João José Costa, Katie van Scherpenberg, Manfredo de Souzanetto, Marilia Gianetti, Ronaldo do Rego Macedo e Rubem Ludolf. A curadoria é de Luiz Eduardo Meira de Vasconcellos.

Leblon

Mul.ti.plo Espaço Arte

Rua Dias Ferreira, 417 – Sala 206

Exposição individual de Rodrigo Andrade.

Lurixs Arte Contemporânea

Rua Dias Ferreira, 214

Exposição “balanço/seta/janela”, individual de Raul Mourão. Inspirado pela paisagem urbana, Raul Mourão cria esculturas, pinturas, fotografias, vídeos, instalações e performances desde o final da década de 1980. Construídas com diversos materiais, suas obras transitam entre dois campos opostos: o ficcional e o documental. De um lado, estão as criações puras, concebidas a partir da fantasia; do outro, estão as obras nascidas das observações do real – a cidade, o futebol, a política ou os botequins.

Terça-feira, 25/09

Botafogo

Athena Contemporânea

Rua Estácio Coimbra, 50

Exposição “Com o ar pesado demais para respirar”, coletiva dos artistas representados pela galeria, com curadoria de Lisette Lagnado.

Cavalo

Rua Sorocaba, 51

Individual do artista finlandês Kari Cavén.

Pinakotheke

Rua São Clemente, 300

Exposição retrospectiva nos 90 anos do artista Flávio Shiró.

Portas Vilaseca Galeria

Rua Dona Mariana, 137

Coletiva Molt Bé!, com os 16 artistas representados pela galeria: Ana Hupe, Ayrson Heráclito, Carolina Martinez, Claudia Hersz, Deborah Engel, Felipe Seixas, Gabriel Secchin, Iris Helena, Ismael Monticelli, Jorge Soledar, Lin Lima, Mano Penalva, Pedro Victor Brandão, Ramonn Vieitez, Raquel Nava e Solange Escosteguy.

Em linguagens tão diferentes como pintura, instalação, vídeo e a apropriação de objetos, os artistas reunidos – de diferentes gerações e residentes em diferentes pontos do Brasil e do mundo – exploram as potências expositivas do espaço e dão as boas-vindas ao público. O título da curadoria, escrito em catalão, significa “muito bem” e cita a tradição que o próprio Jaime Portas Vilaseca (diretor da galeria) tem de escrever essas palavras ao final da desmontagem de seus stands em feiras de arte.

Jardim Botânico

Carpintaria

Rua Jardim Botânico, 971

O artista brasileiro Iran do Espírito Santo (Mococa, 1963) exibe uma seleção de trabalhos inéditos ao lado de obras do norte-americano Fred Sandback (Bronxville, 1943 – Nova York, 2003) na Carpintaria, espaço da Fortes D’Aloia & Gabriel no Rio de Janeiro cuja vocação é a proposição de diálogos, encontros e exercícios de pensamento entre diferentes artistas, formas de expressão e linguagens. O dueto, realizado em conjunto com o Fred Sandback Estate e a David Zwirner Gallery, sublinha as afinidades criativas das vastas produções artísticas da dupla, ainda que suas trajetórias estejam separadas por intervalos geracionais e distâncias geográficas.

C. Galeria

Rua Visconde de Carandaí, 19

Individual “Copydesk”, de Eloá Carvalho, com curadoria de Raphael Fonseca.

Gávea

Anita Schwartz Galeria

Rua José Roberto Macedo Soares, 30

Exposição “Os olhos cheios de terra”, individual de Rodrigo Braga. A obra central, e que dá nome à exposição, é uma instalação que ocupará o grande salão térreo do edifício de três andares no Baixo Gávea, com desenhos, serigrafias, objetos, vídeo e fotografias. No segundo andar estarão fotografias resultantes de uma imersão do artista na galeria, em que realizou durante uma semana ações corporais, registradas também em vídeo.

Galeria Paçoca

Rua Major Rubens Vaz, 103

Exposição individual de Smael.

Marquês 456

Rua Marquês de São Vicente, 456

Preview da exposição “POST(e)”, individual do artista André Sheik, com curadoria de Raul Mourão.

Mercedes Viegas Arte Contemporânea

Rua João Borges, 86

Exposição “Angelus”, individual de Maria Baigur, com visita guiada pela artista.

Galeria Silvia Cintra + Box 4

Rua das Acácias 104

Preview da exposição “Através do olhar dourado”, individual de Miguel Rio Branco.

Catete

Galeria do Lago

Rua do Catete 153, Museu da República

Exposição “Fora/Dentro”, Individual de Raul Mourão, com com curadoria de Isabel Sanson Portella.

Glória

Galeria Oriente

Rua do Russel, 300 – conjunto 401

Abertura da exposição “Jardineiros”, individual de Thiago Barros.

ArtRio 2018

Reconhecida como uma das mais importantes feiras de arte do cenário atual, a ArtRio se destaca pelos bons resultados alcançados pelos galeristas que participam no evento. Além de receber importantes colecionadores e curadores brasileiros e internacionais, a feira desenvolve um importante trabalho de estimular o crescimento de um novo público através do acesso à cultura. O evento faz parte do calendário oficial da cidade do Rio de Janeiro.

Além da presença dos nomes de forte relevância já estabelecidos no segmento, a ArtRio possui como foco também apresentar novas galerias e jovens artistas, grandes apostas para o mercado de arte, trazendo frescor e inovação à feira.

A ArtRio é apresentada pelo Bradesco, pelo sétimo ano consecutivo, através da Lei de Incentivo à Cultura do Ministério da Cultura. O evento tem patrocínio de Stella Artois e CRAB/SEBRAE, apoio do site hoteis.com e da FIRJAN, e apoio institucional da Valid, Bondinho Pão de Açúcar, Estácio, Bacardi, Bombay Sapphire, Shopping Leblon, High End e Breton. A rede Windsor será a rede de hotel oficial do evento.

SERVIÇO CIGA

Dias 24 e 25 de setembro – A programação completa e os horários estão disponíveis no portal www.artrio.com

SERVIÇO ARTRIO 2018

Data: 27 a 30 de setembro (quinta-feira a domingo)

Preview para convidados– 26 de setembro (quarta-feira)

Horários: Quarta a sábado – 13h às 21h

Domingo – 13h às 20h

Local: Marina da Glória – Av. Infante Dom Henrique, S/N – Glória

www.artrio.com

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

×
Ola
Mande sua noticia