Informação - Integração - Imparcialidade

- Advertisement -

Vai viajar de carro com criança? Saiba como entretê-la!

Viagens

Viajar deve ser algo divertido e relaxante, mas quando o trajeto é longo, com trânsito e há crianças como passageiras, a viagem pode ser desgastante. Isso porque os pequenos ficam rapidamente entediados (2 horas e 23 minutos em média, segundo um estudo inglês) e passam ainda mais rapidamente do tédio para a ira (15 minutos, de acordo com o mesmo estudo). O que fazer, então, para se prevenir? Leia este artigo e descubra!

Antes de qualquer coisa: segurança.

Ao planejar uma viagem com os pequenos, devemos considerar a segurança.  Eles devem ser devidamente transportados, nos assentos adequados para seu tamanho. O desrespeito às normas do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), além de colocar todos em risco, é infração gravíssima, conforme art. 168, com penalidade de multa de R$ 293,47, sete pontos na carteira e retenção do veículo até que a irregularidade seja sanada.

De acordo com o art. 64 do CTB, crianças de até 10 anos de idade devem ser transportadas no banco de trás, com cinto de segurança. Deixar de usar o cinto é infração grave, de acordo com o art. 167, com penalidade de multa no valor de R$ 195,23 e cinco pontos na CNH.

Agora, com todos seguramente instalados, como fazer para entreter os pequenos durante a viagem?

Entretenimento no carro

A maioria das pessoas acaba recorrendo ao recurso mais acessível atualmente: smartphone ou tablet com filmes. O problema deste recurso é que, em longas viagens, a criança pode enjoar de ficar olhando para a tela ou, ainda, o aparelho pode descarregar. Sabemos que os carregadores do automóvel nem sempre recarregam a bateria em velocidade suficiente para o aparelho ser aproveitado. Além disso, ficar sem bateria no celular pode ser um problema em casos de emergência.

Então, o que fazer? Há diversas opções de entretenimento para viagens de carro de acordo com a idade de cada criança. Elas são, além de lúdicas para as crianças, uma forma de manter a família entrosada durante o trajeto. Com poucos recursos, é possível manter os pequenos ocupados e distraídos durante todo o percurso e sem tirar o foco do motorista no trânsito. Confira algumas sugestões a seguir.

Música

Esta é talvez a forma mais simples de interagir com as crianças e mantê-las distraídas durante a viagem. Desde muito novos, canções são formas de entretê-los. Elas podem ser cantadas em conjunto “acapella” ou ouvidas no MP3.

Jogos podem ser feitos com os mais velhos: uma pessoa diz uma palavra e cada um tem que cantar uma música que contenha aquela palavra.

 

Matemática com placas

As placas dos carros que circulam nas vias são ótimos gatilhos de variadas brincadeiras. Uma delas é estimular a criança a fazer a soma dos 4 números da placa ou falar em voz alta os números que vê (para os mais novos).

Para os maiores, outra brincadeira bastante estimulante chama-se O Jogo do 24. A partir dos 4 números de uma placa, a criança tem que utilizar as operações básicas (soma, subtração, multiplicação e divisão) para atingir o total 24. Por exemplo: a placa ABC8881 pode ser calculada como 8+8+8/1=24.

Contação de histórias

O adulto pode começar uma frase inicial para contar uma história, e as crianças vão completando. Se quiser, o copiloto pode gravar a história para que depois todos escutem a história criada coletivamente.

Stop

A clássica brincadeira “Stop” pode ser adaptada para estimular o raciocínio e vocabulário das crianças. Uma sugestão é considerar a primeira letra da placa de um veículo e falar todas as palavras que lembrarem começando com aquela letra. As palavras podem ser selecionadas por categoria (animais, cores, países, frutas etc.). Para deixar mais desafiador, o copiloto ou a própria criança pode cronometrar um período máximo para pensar em uma palavra, como, por exemplo, 10 segundos.

Palavras encadeadas

Um jogo de palavras simples e que não exige nenhum recurso extra é o jogo de palavras encadeadas. Funciona da seguinte forma: uma pessoa diz uma palavra, e a seguinte deve dizer uma palavra que inicie com a sílaba que terminou a palavra anterior. Por exemplo: batata, tapete, tesoura, rato, tomate, telhado, doce… Para ficar mais desafiador, vocês podem combinar de não repetir palavras.

Eu fui ao mercado e comprei…

Este jogo é um estímulo para o vocabulário e para a memória. Quem inicia diz: “Eu fui ao mercado e comprei macarrão.” O próximo deve repetir a mesma frase acrescentando um item ao final: “Eu fui ao mercado e comprei macarrão e tomate.” Na vez de cada um, outro item vai sendo adicionado à “lista de compras”, repetindo todos os anteriores.

Estímulo para a criançada

Como você viu, basta usar a criatividade para manter a criançada ocupada durante a viagem. Quando cansarem de um jogo, partam para o próximo. Assim, o trajeto vai ser tão divertido quanto o destino em si, além de ser um ótimo estímulo cognitivo para os pequenos.

Para terminar, gostaríamos de lembrá-lo que, além de trazermos dicas e novidades para nossos leitores, nós do Doutor Multas somos também especialistas em recursos administrativos de multas de trânsito.

Se você foi multado injustamente, tem direito a recurso em três diferentes etapas, aumentando as chances de sucesso. Se precisar de orientação profissional, não hesite em nos contatar. Podemos fazer uma análise gratuita de seu caso. Contate-nos pelo e-mail doutormultas@doutormultas.com.br ou pelo telefone 0800 6021 543.

Gostou deste artigo? Então, compartilhe! Continue nos acompanhando para mais dicas e notícias. Se tiver dúvidas, sugestões ou quiser deixar a sua opinião, comente aqui embaixo.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

×
Ola
Mande sua noticia